sábado, 2 de outubro de 2010

Não que eu seja importante

Não deixes que aquele fim de tarde à beira-mar se acabe...
Não deixes que aquele olhar trocado se apague...
Não deixes que o sabor de um beijo se desvaneça..
Não deixes que aquele toque desapareça...
Não porque eu seja especial,
Mas porque sem mim, nenhum segundo será igual.
Não que eu seja importante...
Mas porque com mais ninguém se partilha o mesmo instante!

2 comentários:

Gil Façanha disse...

wow! Que coisa mais linda! Quero que saiba que meus comentários são sempre sinceros. Amo tua forma de escrever. Sempre tão cheia de emoções. Bjs e ótima semana.

Leila Moura disse...

Não me canso de agradecer, é realmente importante para mim cada comentário e a tua fidelidade enquanto leitora.
Uma Boa semana e até ao próximo post.
Bjs

Pesquisas